Psicologia On-Line: Atendimento Via Internet


Você compartilha o bem?

Psicologia On-Line: Atendimento Via Internet

Saiba Como Trabalhar Com a Psicologia On-line: Ética e Científica!

Psicologia On-Line: Atendimento Psicológico a Distância (Psicoterapia via Internet)

Nesse artigo você vai aprender, de forma rápida e objetiva:

  • O que é psicologia a distância (on-line, via internet, mediada por computador).
  • Quais são as áreas em que a Psicologia a distância atua.
  • Como é feito o atendimento via internet.
  • Se é obrigatório que o paciente (sempre) acesse a internet junto com o psicólogo.

1. O que é Psicologia on-line, Psicologia a distância (Psi AD) ou serviços psicológicos mediados por computador?

São intervenções realizadas pelo psicólogo (com cadastro especial junto ao Conselho de Psicologia), de forma “não presencial” (por exemplo: via on-line) e pautadas em critérios científicos reconhecidos pela ciência da Psicologia.

Os atendimentos podem ser pontuais ou extensos.

As sessões podem ter função informativa, de orientação, de avaliação ou até psicoterapêutico (tratamento on-line de doenças).

Antigamente, havia o limite de apenas 20 sessões a distância.

Atualmente, esse tipo de atendimento não tem limites do número de sessões.

 

 

2. Quais são as áreas em que a Psicologia a distância trabalha?

Atualmente, o campo de trabalho on-line do psicólogo circula nas seguintes áreas:

  • Psicoterapia/atendimento clínica via internet.
  • Orientação psicológica.
  • Orientação afetivo-sexual.
  • Orientação profissional.
  • Orientação de aprendizagem e Psicologia escolar.
  • Orientação ergonômica.
  • Consultorias a empresas.
  • Reabilitação (cognitiva, ideomotora e comunicativa).
  • Processos de seleção de pessoal.
  • Utilização de testes psicológicos informatizados.
  • Softwares psicológicos informativos.
  • Programas educativos com resposta automatizada, etc.

3. Como é feito o atendimento via internet?

Primeiro, antes de iniciar a intervenção propriamente dita, o paciente deve ser informado sobre as diferenças entre “Psicoterapia presencial” (no consultório) e “Orientação Psicológica on-line” (via internet).

Depois são explicados os riscos e os benefícios do serviço on-line.

A seguir, ocorre uma “análise da demanda” do paciente e a identificação dos melhores meios de contato on-line.

Após, é feita a escolha da forma de contato e do suporte de comunicação virtual (ex.: Whats, Telegram, Skype, etc.) é agendado o início da intervenção com o uso da Psicologia via internet (usando de métodos de segurança digital – ex.: senhas, antivírus, antispyware, antimalwares, etc.).

 

4. O paciente deve (sempre) acessar a internet junto com o psicólogo?

Não necessariamente. Isso depende da necessidade do paciente e do contrato de intervenção (ex.: forma de contato).

Se o contato for sincrônico (“comunicação instantânea” – ex.: Skype, GoogleTalk) é agendado um dia e horário para acesso simultâneo (do psicólogo e do paciente), pois eles devem estar juntos (ao mesmo tempo) no sistema de comunicação virtual.

Se a intervenção for assincrônica (“comunicação espaçada”, em horários e dias diferentes – ex.: e-mail) o paciente envia suas questões e o psicólogo responde, no máximo, após sete dias.

Autor: Alex Tavares.