Acupuntura e Lombalgia


Você quer compartilhar?
 

ÚLTIMA FORMAÇÃO DE 2018 PARA TERAPEUTAS SEM FRONTEIRAS!

 

acupuntura-efetiva-tradicional-cientificica-curso-formacao-online-certificado-mp3-garantia-jogos-virtuais-quiz-portaldr-alex-tavares (13)

Acupuntura e Lombalgia

Autor: Alex Sandro Tavares da Silva.

 

Lombalgia é o tipo de dor nas costas mais frequente. Conforme dados da “Organização Mundial de Saúde” (OMS) cerca de 80% dos adultos sofrerão, no mínimo, uma crise aguda de dor nas costas e 90% dessas sentirão mais de um vez.

Pesquisas científicas indicam que até 70% dos sujeitos com mais de 40 anos de idade sentem desconforto na coluna; esse índice fica ainda pior (entre 80 e 90%) nas pessoas que têm mais de 50 anos de idade.

A lombalgia é um sintoma que pode ou não estar vinculado a alguma doença.

É considerada “lombalgia aguda” aquela presente até 6 semanas.

A “raiz” da dor lombar pode estar em problemas de articulações, vértebras, músculos, discos ou ligamentos (que podem sofrer irritação ou inflamações), há também os fatores psicológicos (ex.: estresse, ansiedade, depressão) que podem gerar um agravamento das dores.

A dor inicial parte da região lombar e pode irradiar para as nádegas, coxas, joelhos, pés e dedos dos pés. Alguns sujeitos mencionam contraturas e espasmos musculares.

 

acupuntura-efetiva-tradicional-cientificica-curso-formacao-online-certificado-mp3-garantia-jogos-virtuais-quiz-portaldr-alex-tavares (2)

 

TRATANDO A CRISE DE LOMBALGIA

As medidas mais utilizadas hoje em dia são: o repouso, medicação, aplicação de gelo e calor, fisioterapia e exercícios controlados, acupuntura e psicoterapia.

  1. O repouso – utilizado em casos de dor forte com espasmo da musculatura (não deve passar de 2 a 3 dias de descanso).
  2. A atividade física – pode promover uma aceleração da recuperação (para casos de dor pequena ou moderada), deve ser feita com acompanhamento e avaliação de profissional.
  3. A aplicação de gelo e calor – quando usados de forma alternada (20 minutos para cada temperatura, 3 X por dia) podem auxiliar no relaxamento muscular e redução da inflamação.
  4. Medicação – anti-inflamatórios, relaxantes e analgésicos podem ser utilizados, desde que com indicação de profissional da saúde qualificado para tal fim.
  5. Fisioterapia – realização de exercícios, obediência aos princípios posturais, alongamentos da musculatura, reforço muscular, etc.
  6. Acupuntura – uso de agulhas ou estímulos não invasivos (calor, laser, ventosa) de forma local (ex.: na lombar) e sistêmica para promover a rápida diminuição da dar e a qualidade de vida geral do paciente (diminuição do estresse, depressão, ansiedade, etc.).
  7. Psicoterapia – uso de métodos e técnicas psicológicas com o objetivos de diminuir estresse, depressão, ansiedade, além de provocar uma reavaliação dos pensamentos, comportamentos, afetos e reações fisiológicas que impedem a melhora ou agravam o desconforto.

Autor: Alex Sandro Tavares da Silva.

 

area-de-membros-acupuntura-efetiva-tradicional-cientificica-curso-formacao-online-certificado-mp3-garantia-jogos-virtuais-quiz-portaldr-alex-tavares

Acupuntura e Lombalgia
Pode Avaliar Agora?

 

ÚLTIMA FORMAÇÃO DE 2018 PARA TERAPEUTAS SEM FRONTEIRAS!